quinta-feira, janeiro 03, 2008

Diferenças de Estilo

Os anos passam e, infelizmente, os episódios repetem-se. Todos os anos há noticias de mortes relacionadas com tiros "festivos" nas noites de passagem de ano.
Desta vez as mais faladas foram a de um jovem de 23 anos em Gaia e de uma menina de 9 anos em Lisboa. Ambas em bairros sociais.
A norte, o Vice Presidente da Câmara, Marco António Costa tomou posição e afirmou que seriam despejadas as pessoas que estivessem envolvidas e as que tivessem armas em casa.
A sul, silêncio! Nada foi dito, optaram por não comentar! Infelizmente!

1 comentário:

Paulo Ferreira disse...

Na mesma noticia que dava conta da "resposta" nortenha a esta situação era referido que os "causadores" dos problemas se tinham logo "aliviado" das armas de fogo e recolhido ao recato dos seus lares...

Ou seja,um fiscal, bravo tipo nortenho,passado 3 meses vai de casa em casa e pergunta, armas?tem?Obrigado e uma feliz Páscoa...

Brilhante solução....

Dado que não terá mandato de busca legalmente passado por um juiz, o funcionário camrário ou policia municipal apenas poderá questionar as familias......

Por curiosidade, alguém já fez essa inspecção na urbe nortenha?

Penso que não...

Cumprimentos

PF